Prefeita Inês defende mais recursos para reforçar a segurança na cidade

Share Button

O Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM) reuniu na manhã de ontem (31) o colegiado para apresentar as ações do ano passado. O colegiado é composto pela prefeita Inês Weizemann, representantes da Guarda Municipal (GM), Polícia Federal (PF), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Bombeiros (BM), Polícia Militar (PM), Receita Federal (RF) e Polícia Civil (PC).

A prefeita Inês Weizemann aproveitou a ocasião para firmar um compromisso com os representantes das forças de segurança na busca de recursos. “Saio daqui hoje com o compromisso de trazer recursos para aplicar na segurança. Vamos iniciar as conversas junto ao Estado e também com o Governo Federal para reforçar a estrutura e também melhor equipar nossas forças policiais no combate ao crime”, pontuou.

Segundo ela, a Guarda Municipal necessita de investimentos para renovar equipamentos e viaturas. “A Guarda Municipal precisa de novos investimentos e precisamos reativar o monitoramento integral, que é uma ferramenta fundamental para os órgãos de segurança. Tenho certeza que Foz do Iguaçu receberá apoio necessário”, confia.

Durante a reunião foram apresentados dados das principais ocorrências de 2016. No ano passado foram registrados 3.904 furtos a residências em Foz do Iguaçu, total é 22% superior, comparado ao mesmo período de 2015, quando atingiu o número de 3.113.

O mês com mais ocorrências foi em março de 2016, com 328 furtos, seguido por novembro, 329, e fevereiro e dezembro, com 328. Do total, 761 notificações correspondem ao centro, 289 Vila Portes, 190 na Vila A, 179 no Morumbi, 167 no Polo Centro e 105 em Três Lagoas.

Já o número de roubos no ano passado subiu 63%, comparado ao ano de 2015. Em 2016 foram registrados 2.537 crimes e em 2015, 1.547. Os meses de fevereiro (249) e julho (239) foram os meses com mais ocorrências.

Apreensão de armas

O volume de armas apreendidas em 2016 foi 49% superior ao total apreendido no ano anterior. Foram apreendidas 379 armas, contra 254 em 2015.

Total apresentou um aumento significativo comparado aos anos anteriores. Em 2014 foram 238 armas, 2013 foram 270 armas e 2012, 305 armas.

Foram tiradas das ruas 184 revólveres, 154 pistolas, 18 espingardas, sete fuzis, seis garruchas, quatro escopetas, duas carabinas, um rifle, um pistolete, um mosquetão e uma metralhadora.

Veículos roubados

O número de veículos roubados em Foz do Iguaçu aumentou 117,46% comparado a 2015, entretanto, taxa de resposta também foi superior. Dos 498 (2016) automóveis roubados, 461 foram recuperados pelas forças de segurança. Em 2015, 229 veículos foram furtados.

Por: AMN