Polícia Federal desvenda crime de estelionato em São Miguel do Iguaçu                            

Share Button
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A Polícia Federal, na manhã de segunda-feira, 21, que realizava saques fraudulentos do FGTS. Policiais federais em diligências no município de São Miguel Do Iguaçu, seguiram até a agencia da Caixa Econômica Federal do município para averiguar um chamado feito pelo gerente. Este informou que havia um homem que realizava  várias visitas ao local, sempre acompanhado de pessoas diferentes, que efetuavam saques nos caixas e entregavam para o suspeito parte do dinheiro ali mesmo.

A equipe de policiais ficou aguardando, o homem chegou até o local em companhia de uma mulher, em seguida foi efetuada uma abordagem ao casal.  Ao ser questionada, a mulher informou que viera sacar o FGTS. Ao procederem revista nos pertences, os policiais encontraram um documento informando que a senhora em questão era soropositiva.

Uma análise mais detalhada revelou que o documento era falso. Ao ser interrogada, acabou confessando que acertara 30% do valor do benefício com o homem que a acompanhava.

Diante disto os Policias Federais deram voz de prisão ao casal, que foram encaminhados a Delegacia de Polícia Federal em Foz e permanecem a disposição da justiça, devendo responder pelo crime de estelionato.

Por: Assessoria da Polícia Federal

Polícia Federal desvenda crime de estelionato em São Miguel do Iguaçu