Polícia Civil procura possível partícipe de homicídio da Av. Brasil

Share Button

foto  postar

A Delegacia de Homicídios de Foz do Iguaçu está para finalizar o Inquérito Policial acerca da morte de Marino Borges dos Santos de 35 anos, morto após uma discussão em um bar no último dia 14 de março, na Av. Brasil, no centro da cidade. Crime que chocou a cidade pelos requintes de frieza dos acusados.

As imagens divulgadas pela Polícia Civil na época dos fatos, mostraram que após uma briga entre Marino e outro morador de rua, Marino desfere uma garrafada em seu agressor, vindo a acertar a namorado no autor do homicídio. Ato continuo, o autor corre atrás de Marino, acompanhado de dois comparsas, que seguram Marino para ser agredida pelo autor. Na sequência o autor volta ao local onde a vitima ficou caída, e com uma pistola 9mm, dispara 06 vezes contra Marino que não resiste aos ferimentos, vindo a óbito no local.

Uma semana após os fatos, a arma do crime foi apreendida com uma terceira pessoa, que acabou confessando ser a mesma arma utilizada no homicídio de Marino Borges. A pistola foi apreendida e encaminhada para confronto balístico.

Todos os indivíduos mostrados nas imagens do dia do crime foram identificados, menos o indivíduo que aparece nesta imagem, ele ajuda a segurar a vitima. A polícia procura a identificação do mesmo e pedi o apoio da população. “Qualquer informação que venha levar a Delegacia a identificação do individuo mostrado na foto, poderá ser repassada pelo 0800-643-2977 ou pelo 3308-1200”, informa o delegado titular de D.H, Dr. Carlos Eduardo Pezzette Loro.
Fonte: Polícia Civil Foz