Itaipu é aprovada por 94,3% da população de Foz do Iguaçu

Share Button

A ampla maioria (90,5%) da população do Oeste do Paraná aprova Itaipu e confia (88,3%) na empresa, diante de baixas taxas de desaprovação (1,2%) e desconfiança (1%). As conclusões são de uma pesquisa feita com 1.102 pessoas, em 14 municípios da região, de 31 de outubro a 8 de novembro, a pedido da Itaipu.

A avaliação também mediu a imagem de Itaipu para a comunidade, classificada como “ótima e boa” para 85,5%, “regular” para 7,5% e “ruim e péssima” para somente 0,6%.

O levantamento da Radar Inteligência cobre um universo de 1.036.432 habitantes, o equivalente a 80% dos habitantes do Oeste. Entre as cidades abrangidas estão Foz do Iguaçu, Cascavel, Toledo e Guaíra. A margem de erro é de 3%. O grau de confiança é de 95%.

De forma espontânea, Itaipu foi lembrada como uma empresa pública importante para o desenvolvimento da região Oeste para a maioria dos entrevistados (92,5%). A pesquisa revelou, ainda, que a usina é um destino turístico desejado para uma parcela significativa (76,3%) dos moradores, responsável pela análise e aplicação de resultados da Radar Inteligência.

“Itaipu está tão presente na vida das comunidades da sua área de abrangência que despertou um forte sentimento de pertencimento na população. Essa imagem é hoje indissociável”, analisa o sociólogo Arilson Sabadin, responsável pela análise e aplicação dos resultados da Radar Inteligência.

A hidrelétrica foi também apontada como a corporação que mais contribui para o desenvolvimento do Paraná, com incidência de 7,3%, à frente da Copel (3,6%) e da Sanepar (0,3%). Em termos de Brasil, com 3% das citações, a binacional quase empata em importância com a Petrobras (3,2%).

“Percebemos que, para a população do Oeste, a relevância de Itaipu transpassa a produção de energia”, afirma Sabadin. Isso ajudaria a explicar, por exemplo, por que um quarto dos entrevistados (24,7%) respondeu que Itaipu é “importante, mas poderia contribuir com mais” à região. “Como a empresa não é vista exclusivamente como uma geradora de energia, o anseio por parte da população é maior”, completa.

Aprovação em Foz do Iguaçu:

Em Foz do Iguaçu, a aprovação de Itaipu é ainda maior (94,3%). Cidade diretamente impactada pela construção da hidrelétrica, e sede do lado brasileiro da usina, Foz recebeu um levantamento específico, de 18 a 20 de outubro, com 604 pessoas. A cobertura é de 264 mil habitantes. Neste caso, a confiança do iguaçuense na empresa (88,5%) equipara à do Oeste (88,3%). A imagem de Itaipu é “boa e ótima” para 76,7%.

Entre os municípios lindeiros ao lago de Itaipu, os percentuais não foram muito diferentes. A aprovação ficou em 91,2% e a confiança, 91,6%; enquanto 76,9% atribuíram classificação “boa e ótima” à imagem de Itaipu. O estudo nos lindeiros foi feito em 15 cidades, com 1.105 entrevistados, cobrindo um universo de 286.222 habitantes. As entrevistas ocorreram entre 24 e 28 de outubro.

As duas pesquisas também foram aplicadas pela Radar Inteligência e têm a mesma margem de erro (3%) e grau de confiabilidade (95%).

Por: Assessoria