Conheça formas alternativas para atendimentos e pagamentos durante a greve dos bancos

Share Button

Conheça formas alternativas para atendimentos e pagamentos durante a greve dos bancos

A greve dos bancários que começou nesta terça-feira (6) afeta o atendimento nas instituições de todo o país. De acordo com a diretora do Procon-PR, Cláudia Silvano, os clientes não podem ser prejudicados pela paralisação, mas precisam procurar formas alternativas para o pagamento das contas e, caso não consiga pagar o boleto, devem reunir documentos que comprovem as tentativas.

As unidades lotéricas e todos os correspondentes e lojas que possuem a marca “CAIXA AQUI” recebem contas de água, luz, tributos, boletos de cobrança, prestação de habitação, saques de contas correntes da Caixa Econômica Federal e pagam benefícios sociais como bolsa família, seguro desemprego e FGTS, entre outros serviços.

Os aplicativos dos bancos, para tablets e smartphones e os sites continuam recebendo os boletos de forma eletrônica. Para que esse serviço possa ser utilizado, o cliente já precisa ter conta no banco para fazer a movimentação online.

As unidades lotéricas recebem pagamentos de:

Contas de água, luz e telefone, com ou sem fatura;
Tributos;
Boletos da caixa – dinheiro ou cheque se o convênio permitir;
Boletos de outros bancos – em dinheiro (pode haver restrições fora do horário bancário);
Faturas de cartão de crédito da CAIXA – em cheque ou em dinheiro (caso não possua a fatura, basta o cliente apresentar o cartão de crédito e informar o valor a ser pago);
Prestação de Habitação (caso não possua boleto, poderá ser emitido neste link)
INSS / GPS;
FGTS-GRF / GRRF / GRDE (com código de barras);
Contribuição Sindical – em dinheiro.
As casas lotéricas também oferecem o serviço de saque para clientes da Caixa Econômica Federal (CEF), limitada a três transações ou R$ 1.500 ao dia, sendo que é necessário o cartão magnético e documento de identidade.

Serviços sociais também podem ser acessados via casas lotéricas:

Programas de Benefícios Sociais (Bolsa Família) – todo o valor disponível, com Cartão do Cidadão ou Cartão do benefício;
INSS – todo o valor disponível, com cartão magnético para os beneficiários que são pagos na CAIXA;
Seguro-Desemprego e PIS – todo o valor disponível, com Cartão Cidadão;
FGTS – com Cartão Cidadão e até R$ 1.500,00.

Outros Serviços, como abertura de contas na CEF e depósitos para o mesmo banco estão disponíveis nas casas lotéricas.

Consulta de saldos extratos de contas do FGTS, PIS;
Consulta de saldos de contas da CAIXA;
Depósitos em contas correntes e poupanças – em dinheiro (de R$ 5,00 à R$ 1.500,00, limitado a 3 transações por dia, o que ocorrer primeiro);
Abertura de conta CAIXA Fácil apresentando apenas RG e CPF;
Encaminhamento de propostas de cartão de crédito, conta corrente, cheque especial e empréstimo por consignação para aposentados e pensionistas do INSS e empregados de empresas conveniadas;
Recarga de celular pré-pago
Os “caixas 24 horas” atendem nos seguintes quesitos:
Saques;
Depósitos em dinheiro ou cheque (para que os depósitos caiam na conta dos beneficiados é necessário que o valor seja verificado por bancários, o atendimento deve ser prejudicado durante a greve).
Consulta e retirada de saldo/extrato;
Transferências entre contas;
Retirada de folha de cheque;
Pagamento de contas (não vencidas);
Agendamento de pagamentos e DOC;
Pagamento e de cartão de crédito;
Bloqueio de cartão;
Saques de benefícios sociais (INSS, PIS/Abono Salarial, FGTS, Bolsa-Escola, Bolsa-Alimentação, Auxílio-Gás etc.), com o cartão magnético;
Empréstimo Pessoal (CDC);
Penhor (renovação e pagamento de cautela);
Resgate de investimento.

Internet Banking:

Por meio das contas de banco na Internet, é possível realizar transações bancárias, como transferência entre contas, TED e DOC, pagamento de faturas, de boletos, de prestação habitacional e de contas de água, luz, telefone e tributos, além de ser possível a contratação de CDC, Cheque Especial, Cartão de Crédito, título de capitalização para clientes pessoa física com limites aprovados.

Os clientes Pessoa Jurídica também podem contratar empréstimos para capital de giro por meio da internet, desde que possuam limites pré aprovados. Podem realizar serviços necessários para o dia a dia da empresa como, por exemplo: pagamentos, transferências, DOC, TED e pagamento de faturas diversas, antecipar recebíveis, pagar folha de pagamentos, dentre outros.

Fonte: Paraná Portal